Unidos Pela Tradição define seus poemas - Portal Identidade Campeira

Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Breaking News

TRUE

Classic Header

{fbt_classic_header}

Unidos Pela Tradição define seus poemas

A comissão organizadora do Festival Unidos Pela Tradição, divulgou os poemas classificados que farão parte desta 2ª edição, que será realiza...


A comissão organizadora do Festival Unidos Pela Tradição, divulgou os poemas classificados que farão parte desta 2ª edição, que será realizado nos dia 28 de novembro, em Tapejara/RS.

  • Assombração - JOSETI GOMES
  • Do sereno no alambrado até os olhos dos campeiros - MATHEUS COSTA 
  • Gaúcho - CÂNDIDO BRASIL
  • Na presilha de um cabresto - MAXIMILIANO ALVES DE MORAIS
  • O poço que eu fiz pra mim - CARLOS OMAR VILLELA GOMES
  • Palanque - ELOI RIBEIRO MARQUES (in memórian)
  • Quando o verso pede o poeta - ALCINDO NECKEL
  • Retorno - OTÁVIO LISBOA
  • Tudo o que se cala no silêncio de um poeta - WILLIAN ANDRADE
  • Um retrato do meu pago - KAYKE MELLO

Suplentes:

  • Quando a mão alcança o mate - Osmar Antônio do Valle Ransolin
  • Sonata de noite e Poesia - Adão Pedro Bernardes

Nenhum comentário

Gracias, em breve entraremos em contato!