No show Daniel Torres Canta a América, o intérprete de voz marcante, nascido em Santa Vitória do Palmar/RS...


Foto: Eduardo Rocha
Show marca os 40 anos de trajetória do cantor e compositor conhecido por interpretações marcantes que retratam o espírito latino-americano

O cantor e compositor Daniel Torres não subirá sozinho ao palco do Theatro São Pedro no próximo dia 09 de novembro, quinta-feira, para celebrar seus 40 anos de trajetória artística. Com ele, estarão convidados que testemunharam e participaram desta caminhada musical, como os cantores Dante Ramon Ledesma, Serginho Moah, Sérgio Rojas e Elton Saldanha, além da participação do cantor argentino Nino Zannoni.  A realização é do Governo do Estado do RS, por meio da Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

No show Daniel Torres Canta a América, o intérprete de voz marcante, nascido em Santa Vitória do Palmar/RS - de pai chileno e mãe argentina - percorre mais de 40 anos de uma vitoriosa trajetória musical e relembra seus grandes sucessos. Da infância, no Uruguai, ao lado dos pais, que eram artistas de circo e também trabalhavam no rádio como atores, Daniel Torres recorda as primeiras apresentações em conjuntos de baile, até chegar em Porto Alegre, em 1982, quando dá início à uma vitoriosa carreira de compositor e intérprete, registrada em nove discos lançados, mais de 50 prêmios como melhor  intérprete em festivais e cerca de 300 músicas gravadas, além de um público fiel e muitos amigos conquistados.

No show, que promete muitas surpresas e emoção, Torres estará acompanhado de uma banda, formada pelos músicos Diogo Barcelos (piano), Lucas Araújo (violão), Marcio Rosado (guitarra semi-acústica), Djalmo Oliveira (bateria), Daniel Castilhos (acordeom), Rodrigo Maia (contrabaixo), Douglas Umabel (violino) e Carlos Perez (percussão). Não faltarão no repertório, sucessos como "Paraguaita" (Galileu Arruda), "Solo le Pido a Dios" (León Gieco), "Nosso Canto" (Daniel Torres, Aroldo Torres e Janete Urtazum), "Mercedita" (Ramón Sixto Ríos), "Yolanda" (Pablo Milanés), entre outras, que marcaram a carreira do artista.

Os ingressos já estão à venda na bilheteria do Theatro São Pedro (confira o Serviço).

Sobre Daniel Torres

Cantor e compositor brasileiro de música nativista gaúcha e sul-americana, Daniel Torres nasceu em Santa Vitória do Palmar-RS - de pai chileno e mãe argentina - e cresceu no Uruguai. Alfabetizado em espanhol, retornou ao Rio Grande do Sul já adolescente e só então começou a falar o português.

Daniel Torres nasceu em meio ao mundo do espetáculo e da música: seus pais eram artistas de circo e também trabalhavam no rádio como atores. Ainda guri fugia de casa para ouvir grupos de músicos no Chuí; aos nove anos estudou música em Montevidéu, e, de repente, aos 13 estava em Horizontina, no Interior gaúcho, onde começou a cantar em conjuntos de baile.

Em 1982, aos 24 anos, resolveu tentar a sorte em Porto Alegre. Em seguida, já estava na Cervejaria Barril, cantando em espanhol um repertório de músicas românticas e latino-americanas. Um dia, foi ouvido pelo cantor Leopoldo Rassier que o convidou para integrar um grupo do qual participavam: Airton Pimentel e Antonio Augusto Fagundes, que mais tarde participaria do primeiro MusiCanto.

E ai começa a trajetória musical de Daniel Torres, que hoje é conhecida por todos. Desde então, participando da maioria dos festivais nativistas, ele colecionou mais de 50 troféus de melhor intérprete.

Em 1989 foi indicado para o Premio Sharp de cantor revelação de música regional. Em 1997, recebeu o troféu Vitória de melhor intérprete do Rio Grande do Sul, concedido pelo Governo do Estado. Daniel Torres, o cantor do Mercosul, é a voz da integração pampeana. Daniel Torres esteve representando o Rio Grande do Sul  no Festival Mundial de Folclore na Guiana Francesa, no Japão, Estados Unidos, Portugal,  Viena na Áustria,  além da Argentina  e Uruguai.

"Eu conheço vários Daniel Torres e gosto de todos: o Daniel Torres cantor, o Daniel Torres compositor, o Daniel Torres pai de família, o Daniel Torres amigo. Muito jovem ainda, os caminhos da América se abrem diante dele, cruzando o pampa de três países, rachando a Cordilheira dos Andes, rumo ao infinito. Ouvir Daniel Torres é ouvir a América cantando" . Antônio Augusto Fagundes


Discografia

- Daniel Torres - Simplesmente Latino (participações especiais de Luís Carlos Borges, Edison Campagna, Doli Costa, Alvori Jorge Gomes "Toro", Wilson Dobbins, João Vicente, Ricardo Arenhaldt e Tonho Rocha)

- Daniel Torres - Ao Vivo (participações especiais de Thedy Corrêa, Enzo e Rodrigo, Dante Ramon Ledesma, Luís Carlos Borges e Doli Costa)

- Daniel Torres - Volver a Empezar - 2006 (participações especiais de Lúcia Helena, Serginho Moah, Renato Borghetti e Sandro Coelho)

- Daniel Torres - + Romântico + Latino - 1996

- Daniel Torres - Canta o Rio Grade - 2001 (participações especiais de Renato Borghetti, Roberto Navilaiat, Neto Fagundes e Ernesto Fagundes)

- Daniel Torres - Nosso Canto (LP) – 1987-

- Daniel Torres (LP) (participações especiais de Gilberto Monteiro e Dante Ramon Ledesma) - 1985

danieltorres@danieltorres.com.br

Assessoria de Imprensa: Silvia Abreu (MTB 8679-4)
Fones: 51 |986320145 (Oi) |982385577 (Tim) - 16/10/2017
Compartilhe:

Identidade Campeira

Comente:

0 comments so far,add yours

Obrigado por participar!