O CD é uma parceria com o poeta e publicitário alegretense Giba Trindade que foi o primeiro brasileiro a ser premiado no Festival de Canes um dos mais prestigiados e famosos festivais de cinema do mundo


Cantor Volmir Coelho celebra 25 anos de carreira com
gravação de disco em São Paulo

O CD é uma parceria com o poeta e publicitário alegretense Giba Trindade que foi o primeiro brasileiro a ser premiado no Festival de Canes um dos mais prestigiados e famosos festivais de cinema do mundo.

Foto: Giba Trindade

Por Matias Moura

O cantor e compositor santanense Volmir Coelho esteve recentemente em São Paulo, capital, gravando o 5º disco de sua carreira, uma parceria com o poeta e publicitário alegretense Giba Trindade. Esta parceria surgiu a cerca de 4 anos atrás, através dos festivais nativistas  onde a dupla participa efetivamente e já coleciona uma vasta produção musical. Dessa união musical, entre cantor e poeta, surgiu o projeto Comungando onde Volmir Coelho interpreta os poemas de Giba Trindade e conta com a participação e arranjos do violonista gaúcho Gabriel Selvagem considerado uma das grandes revelações do cenário musical nativista e brasileiro. O CD contará com 12 composições inéditas que falam dos mais variados temas peculiares ao universo do gaúcho pampeano, além é claro de trazer composições mais intimistas e introspectivas arranjadas ao som do violão. Um disco que valoriza os nuances e silêncios dos poemas escritos em momentos de saudade onde as lembranças do poeta visitam imagens de sua infância no interior de Alegrete onde os seus primeiros rabiscos começam quando desenhava imagens no chão batido de um galpão .

O CD foi gravado no Estúdio Arsis, e contou a participação do músico paulista Paulo Garfunkel, instrumentista e produtor multimídia que tem na sua história canções gravadas por Elis Regina, Zizi Possi, Pena Branca e Xavantinho, Renato Braz, Maria Rita entre outros. Conta com a participação especial de Alana Moraes, cantora da nova geração da música gaúcha e brasileira. O trabalho que tem o conceito Letra, Voz e Violão, é totalmente independente, e traz a singela missão de falar e valorizar os momentos intimistas campeiros. "Um CD para ser ouvido nas horas em que mateamos com as nossas ilusões" disse o poeta Giba Trindade.

Este será o 5º do cantor Volmir Coelho e vem brindar os seus 25 anos de carreira musical, grande parte deles vividos quando ainda era peão campeiro e alambrador nos campos da fronteira gaúcha entre Santana do Livramento e Rivera no Uruguay. Para ele, está foi a realização de um sonho poder gravar um CD com um amigo tão especial e de quebrada viajar de avião pela primeira vez para ele um momento muito marcante. “Um dia a muito tempo atrás quando estava alambrando num fundão de campo na estância Santa Rita, propriedade de Claudio Caldas, aqui em Livramento, passou um avião e eu disse ao meu companheiro de serviço... um dia eu vou estar lá em cima olhando para cá para baixo. Quando eu estava no estúdio em São Paulo gravando lembrei dessa história e agradecei a Deus pela oportunidade que ele me deu de realizar mais este sonho. Dedico este disco a minha família, meus amigos, e em especial ao Giba, que me proporcionou estes momentos de comunhão e arte“.

O cantor comenta que agora o disco se encontra em fase de pós-produção, finalização, e que está previsto para ser lançado em Setembro ou Outubro. Desde que gravei meu primeiro disco, De Campo e Raiz, só com voz e violão, os amigos me pediam para gravar outro neste modelo, e agora vamos apresentar ao público um disco com voz e violão novamente“ encerrou.  

Compartilhe:

Identidade Campeira

Comente:

0 comments so far,add yours

Obrigado por participar!