Lançamento do CD Bailongo



Por Leonardo Gadea

Músicos apresentam seu último trabalho, Bailongo, no dia 11 de março, quarta-feira, às
20 horas, no Theatro Treze de Maio.

A afinidade entre o violão de sete cordas de Yamandu Costa e o baixolão de Guto Wirtti pode ser constatada no primeiro álbum da dupla intitulado Bailongo, que será lançado no dia 11 de março, no Theatro Treze de Maio, em Santa Maria. O CD e o show são uma homenagem aos bailes brasileiros, principalmente os do Sul do Brasil, onde nasceram os dois “guris”. A realização de todo o projeto, que inclui CD e turnê por 5 cidades, é da Rhythmus Produções, por meio do Prêmio Funarte de Música Brasileira.

Amigos de infância, confidentes instrumentais desde sempre, Guto e Yamandu têm uma forte influência latino-americana em suas composições, e também na maneira de tocar. 

Em Bailongo, além das composições próprias, o duo revisita obras, como o Schottish-Choro e a Mazurka-Choro, de Heitor Villa Lobos; Nervos de Aço, de Lupicínio Rodrigues; Forró de Gala, de Jacob do Bandolim, com um sotaque bem gaúcho; e Porro n.5 do colombiano Gentil Montaña. As versões inéditas e despojadas que o duo imprime são uma marca nesse Bailongo. “Até o Jazz Manouche, estilo representado por Django Reinhardt, está presente nesse álbum com a música La Pompe/ Troublant Bolero, que gostamos de interpretar da nossa maneira”, observa Yamandu Costa.

As músicas, segundo Guto Wirtti, foram escolhidas por soarem bem com os dois instrumentos e foram compostas nos últimos anos. “Não tivemos dificuldades para gravar, pois foram três dias de estúdio, pouco ensaio e muito improviso, no sentido da criação dos arranjos”, conta Wirtti, acrescentando que uma marca do duo é de que sempre deixam bastante espaço para as surpresas.

Desde a infância, quando cruzavam com os pais as estradas do Rio Grande do Sul, os dois têm fascínio por bailes. “Gostamos de mexer com a alma e o corpo das pessoas”. Bailongo é, portanto, o resultado autêntico e natural dessa mistura de gêneros e influências, carregadas na história musical e pessoal desses dois talentosos músicos.

A direção artística e musical de Bailongo é assinada pela dupla e por Elodie Bounie, violonista e esposa de Yamandu. Já a arte do álbum e capa é do artista plástico e ilustrador Fábio Dudas e da designer Paula Albuquerque.

SERVIÇO

O quê: Show de Yamandu Costa e Guto Wirtti - Lançamento do CD Bailongo
Dia: 11 de março - quarta-feira
Horário: 20:00h
Quanto: R$ 40,00 (inteira na hora),
R$ 30,00 (antecipado)
R$ 20,00 (estudantes, idosos, doadores de sangue, associados do Theatro e conveniados Clube
do Assinante do Diário)
Onde: Theatro Treze de Maio
Ingressos à venda na bilheteria do Theatro Treze de Maio
Informações: 3028-0909 (bilheteria)

Contato Produção:

Produção Local: Leonardo Gadea – gadeaproducoes@hotmail.com |55 99855744
Produção geral: Crica Gadotti cricagadotti@rhythmus.art.br_| 48 9697-6643
Assessoria de Imprensa:
Leonardo Gadea – gadeaproducoes@hotmail.com |55 99855744


Compartilhe:

Identidade Campeira

Comente:

0 comments so far,add yours

Obrigado por participar!